dia 12 de novembro 2013


O navio afundou, a mascara caiu 
O mundo não é pintado de rosa,
como nesta prisão onde me prenderam!
Viver não é um conto de fadas,
como aqui parece!
Tal como nascer e morrer
Amar pode começar e acabar.
Mas pelo meio uma parte de nós se quebra
Somos fragementos de nós mesmo
O futuro é a sombra do passado e,
é nela que temos que viver!
A verdade finalmente veio ao de cima!
E só agora conseguirão ver a verdade
E meu destino novamente muda...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Follow by Email